ESTADO ANUNCIA CRIAÇÃO DE ORGANIZAÇÃO EXCLUSIVA PARA A PESCA ESPORTIVA EM MINAS GERAIS

 

Novidade foi divulgada, nesta sexta-feira, 19 de maio, pela Secretaria de Esportes (Seesp), no evento "Rio Paracatu, Vida Saudável", em Paracatu, no Território Noroeste

Foi criada organização que se dedique exclusivamente à Pesca Esportiva em Minas Gerais.


Apesar da tradição pesqueira em Minas Gerais, é esta sexta-feira, 19 de maio, a data que ficará marcada na história da pesca esportiva no estado. Isto porque foi anunciada, em Paracatu, cidade do Território Noroeste, a criação de uma organização que se dedique exclusivamente à Pesca Esportiva em Minas Gerais. A novidade veio a público no evento “Rio Paracatu, Vida Saudável”, no qual também foi proposta a proibição da pesca predatória no local.


A ação, que conta com o apoio do Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Esportes (Seesp), foi a primeira em prol da modalidade que vem ganhando muitos adeptos nos últimos anos em todo o estado.


Apoiador da iniciativa, o secretário-adjunto da Seesp, Ricardo Sapi, marcou presença no evento. “Trago um abraço do secretário de Estado de Esportes, Arnaldo Gontijo, que chegou há pouco no órgão, e está muito empenhado em darmos início a essa grande ação da pesca esportiva mineira, em parceria com o Governo Federal, por meio da Secretaria Nacional de Agricultura e Pesca. Essa é uma ação que está sendo iniciada pelo município de Paracatu, mas que irá se estender por todo território de Minas Gerais”, afirmou Sapi.


No evento, também foi destacado o grande potencial do estado na área da pesca, uma vez que o território de Minas Gerais é banhado por várias bacias hidrográficas, como a do Rio Paraná e do Rio São Francisco. Nelas, inclusive, existem vários reservatórios de usinas hidrelétricas e em quase todas foi introduzido o tucunaré que, juntamente com o dourado (espécie nativa destas bacias), forma a principal dupla de espécies esportivas do estado.


Sapi destacou, ainda, que, além de ser uma modalidade esportiva, a pesca esportiva traz consigo benefícios importantes na preservação ambiental.


“Estou honrado com o convite para vir aqui tratar de um assunto tão importante. É uma prática que possui um potencial econômico enorme que também favorece o atrativo turístico e contribui para a preservação ambiental”, destacou. Para ele a pesca esportiva pode ser, sobretudo, um alerta para ampliar a prática de outras modalidades como o mergulho. "É preciso usar a bandeira do esporte como instrumento de conscientização, para que o uso sustentável dos recursos naturais seja uma regra - e não uma exceção", disse.


Quem também está animado com esse apoio à pesca esportiva é o biólogo Gabriel Alkmim, que faz parte da comissão organizadora de competições de pesca esportiva em Minas Gerais. No evento, ele contou que é notório o crescimento, em todo país, dos eventos em torno da modalidade. "Em Minas Gerais, este crescimento se deve, principalmente, pelas inúmeras opções de pesqueiros que o estado dispõe”, avaliou.
Para provar que está certo, Gabriel aponta o estudo da consultoria Ipsos/Marplan, que aponta o ramo da pesca esportiva como responsável por movimentar cerca de R$ 5 bilhões por ano no país. Além disso, a pesquisa revela que o hábito de pescar dos brasileiros fez com que o número de adeptos da prática dobrasse em dez anos, passando de 4 milhões, em 2006, para 7,8 milhões de pessoas.

 

CARTILHA INFORMA PESCADORES E TURISTAS SOBRE A LEGISLAÇÃO E REGRAS DE PESCA EM MS

 

A Cartilha do Pescador 2017, lançada pela Polícia Militar Ambiental de Mato Grosso do Sul, traz informações sobre as regras e legislação de pesca no Estado, e tem como foco não apenas os turistas, mas também os sul-mato-grossenses que vivem dessa atividade ou amadores que gostam de pescar apenas por diversão.

Na capa, a cartilha destaca os 30 anos de criação da PMA, comemorados no dia 19 de março deste ano. Já batizada de “Manual do Pescador”, é considerada fundamental como referência de informação, até pelo fato de a legislação de pesca de Mato Grosso do Sul ser bastante restritiva e ter normas diferenciadas para as bacias do rio Paraná e Paraguai.

O manual informa, por exemplo, que a legislação ambiental prevê penalidades bastante severas por pesca predatória. Na parte criminal, as pessoas recebem voz de prisão, são encaminhadas às delegacias de polícia, autuadas em flagrante delito e, se condenadas, podem pegar pena de um a três anos de detenção.

Além de informações importantes como técnicas de manejo de controle de pesca, Piracema, pesca desportiva e cotas de pesca, onde comprar iscas vivas e espécies com pesca proibida, a cartilha traz tabelas com as medidas de pescado que possuem tamanhos mínimos de captura, cotas de captura e petrechos proibidos para as duas bacias (Paraná e Paraguai), rios onde a pesca é proibida e rios onde só se permite a modalidade pesque-solte e várias outras dicas que seriam impossíveis às pessoas decorarem.

 

Link cartilha : https://www.campograndenews.com.br/uploads/files/5220748/CARTILHA-PESCADOR-2017_web-modificado.pdf

 

Fonte: http://www.pantanalnews.com.br/contents.php?CID=108720

Sorteio ANEPE 4

 

 A ANEPE prestigia os seus associados pescadores !!!!

 

 Os associados pescadores (pessoas físicas) da ANEPE concorrerão no mês de junho, aos seguintes prêmios: 01 (um) Molinete Fishing - STHILL 1000 - Marca Albatroz, 01 (um) Molinete Xtreme 40 - Marca Albatroz, 01 (uma) Faca de Mergulho 5.5 - Marca Albatroz, 01 (uma) Lanterna Holofote Alta Potencia Led 743A - Marca Albatroz e 01 (um) Canivete Hunter Excellence Cor preta - Marca Albatroz

Será sorteado um prêmio por vez, sequencialmente, e o ganhador de um não concorrerá a outro prêmio.

Para participar, basta ser associado e estar rigorosamente em dia com as contribuições perante a Entidade.

O sorteio será feito dia 30 de junho, às 18:30hs, na sede da ANEPE, e poderá ser acompanhado pelos associados.

O resultado do sorteio será publicado no site da ANEPE em até 3 (três) dias úteis após o sorteio e os sorteados serão informados, pelo e-mail cadastrado, para retirarem seus prêmios.

Os prêmios ficarão disponíveis para retirada pelo sorteado pelo prazo de 30 (trinta) dias contados da data do sorteio. Acaso não retirado, será reintegrado a ANEPE e objeto de sorteios futuros, se assim definir a entidade.

Acaso o associado não esteja em dia e venha a ser sorteado, sua contemplação será imediatamente descartada e outro associado sorteado em seu lugar.

Os ganhadores, ao aderirem ao sorteio, autorizam a divulgação de seu nome e imagem, pela ANEPE, em sua página da internet, redes sociais e mailing, para notícias sobre a premiação.

Eventuais casos omissos serão decididos, soberanamente, pela Diretoria da entidade, não cabendo recurso.

 

"ANEPE - Trabalhando para a Defesa e o Estímulo da Pesca Esportiva Brasileira"

 

LOGO AQUISHOW 2017

No dia 30 de maio de 2017, o presidente da ANEPE, Antonio Carlos Ferreira de Araujo, estará ministrando uma palestra na AQUISHOW 2017, e você é o nosso convidado para participar deste grande evento.

15h45 – 16h30 – Palestra: “Pesca Esportiva: Alternativa inteligente de geração de renda, ganho social e proteção do patrimônio natural”.

Palestrante: Antonio Carlos Ferreira Araujo

• Advogado em São Paulo, sócio do Honda, Teixeira, Araújo e Rocha – Advogados;
• Diretor do Departamento Jurídico da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo – FIESP;
• Coordenador do Grupo Temático de Estudos da Lei de Recuperação Judicial, do Departamento Jurídico da FIESP;
• Presidente da Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva – ANEPE;
• Conselheiro Suplente no Conselho Nacional de Aquicultura e Pesca (CONAPE) do Ministério da Agricultura;
• Coordenador adjunto do Comitê da Cadeia Produtiva da Pesca e Aquicultura – COMPESCA, da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo/FIESP. — Pescador esportivo.

Local do evento: Estância Turística de Santa Fé do Sul-SP
Complexo Turístico, Cultural e Histórico Roberto Rollemberg
Av. Waldemar Lopes Ferraz, s/n

Acompanhe toda a programação através do site e faça a sua inscrição. http://aquishow.org.br/

 

"ANEPE - Trabalhando para a Defesa e o Estímulo da Pesca Esportiva Brasileira"

 

8º TORNEIO NACIONAL DE PESCA ESPORTIVA 2017

 

A ANEPE como apoiadora deste grande evento, convida todos os pescadores esportivos para participarem do 8º Torneio Nacional de Pesca Esportiva 2017, a ser realizado no dia 16 de Setembro no Lago de Três Marias / MG.

 

Divulgação do 8º Torneio de Três Maria 2017

 

O torneio de pesca esportiva de Três Marias é famoso entre os pescadores competidores pela quantidade de peixes apresentados para medição e principalmente pelos grandes exemplares. No ano passado batemos todos os recordes durante o 7º Torneio Nacional de Pesca Esportiva Lago de Três Marias, foram apresentados para medição 06 Tucunarés acima de 60 cm – 26 Tucunarés acima de 50 cm (muitos deles próximos aos 58,0 e 59,0cm) – 24 Tucunarés acima de 50 cm – 44 Tucunarés acima de 40 cm e 70 Tucunarés acima de 35 cm. A equipe campeã e vice-campeã apresentaram todos os peixes acima de 50,0 cm e cada uma delas mediram três peixes acima de 60,0 cm e também tiveram a felicidade de descartar 2 Tucunarés acima de 50,0 cm.


O evento ocorre no Náutico Três Marias Iate Clube, local de área ampla com infraestrutura para atender os competidores, familiares, visitantes e também a população local que prestigia o evento.


Fonte: http://www.pescagerais.com.br/torneio/

 

Contato

mapahome

Av. Paulista, 475 - 3º andar

Bela Vista - São Paulo /SP

Tel: (11) 2149-0590 / 2149-0565

JoomShaper